O And é Noiz!

Funcionário do Lab há três anos, And subiu ao palco com Emicida pela primeira vez durante o Festival de Verão do Urban Stage, em São Paulo

Dos tubos de ensaio do Laboratório Fantasma nasceu um rapper. Anderson Silveira, o And, trabalha há três anos e meio com logística no merchandising e subiu ao palco pela primeira vez com Emicida no último sábado (16.01), durante o Festival de Verão do Urban Stage, em São Paulo.

Nada combinado. “Não sei nem explicar como fui parar lá. Fui cumprimentar todo mundo no camarim e o Leandro falou: ‘e aí, vamo fazer oito linha?'”. Achou por bem confirmar: “Fomos caminhando até o palco, e quando chegou lá eu não estava acreditando, tive que perguntar pra ele de novo!”. Tudo certo, entrou com Coruja BC1, a participação “oficial” da tarde, em Mandume.

Bem a música que havia feito em uma apresentação com Raphão Alaafin na Matilha Cultural, quando cantou a parte de Emicida, e que teve direito a elogio do rapper Xis. A moral do elogio deu tranquilidade pro desafio: “Eu desci do palco da Matilha e ele falou ‘Mano, loco! Presença de palco da hora…”.

emicida-urban-stage (19)
Com Emicida no palco do Urban Stage | Por Mariana Albanese

Se a participação foi inesperada, o planejamento para chegar até ali, não. Desde que começou a escrever seus próprios raps, cerca de um ano após entrar no Lab, foi percorrendo calmamente cada etapa de um início de carreira. Primeiro, sentindo-se seguro com as rimas. Depois, encontrando um parceiro para formar o grupo Noiz e, a seguir, gravar a primeira faixa da carreira, com produção de Skeeter, Máfia Siciliana. Só então – “como bom virginiano”- debutou nos palcos. Isso aconteceu em 2015, em um show de seu parceiro, MC Magresco, em Osasco, cidade da Grande São Paulo onde mora e onde todas as sextas-feiras cola na Batalha da Led.

O blog trocou uma ideia com And pra entender um pouco sobre a relação dele com o rap e os planos de carreira:

Blog: Quando você entrou no Lab, já rimava?
And: Não, eu ainda não rimava. Durante esse tempo em que eu trabalho aqui eu comecei a ter umas ideias de fazer um som, que eu sempre sonhei em fazer, criei um grupo que sou eu e mais um parceiro, e a gente começou a escrever. É um “grupo de dois”, chama Noiz. E aí comecei a escrever há dois anos e pouco, e tá rolando.

Blog: Você já curtia rap?
And: 
Já curtia, mas depois que entrei no Lab, me senti mais motivado a fazer, ao ver de perto como a parada acontece. Conheci muita gente do rap, beatmakers, conheci uma infinidade de gente. Fui tendo contato aqui, contato ali…

Blog: E a Noiz já fez algumas apresentações?
And: Já fizemos algumas com parceiros de Osasco, que já têm CD e trabalho na rua e convidaram a gente.  A primeira apresentação foi dentro do show do Magresco MC, na festa Fat Beats Os do DJ JL, que hoje me acompanha. Foi a primeira vez que subi no palco e peguei um microfone, isso foi no ano passado.

Blog: Entre você escrever e subir no palco teve um tempo…
And: Sim… Eu sou virginiano, sou bem perfeccionista. Então escrevo, reescrevo, fico lapidando, e aí não tinha muito tempo, ou às vezes faltava grana pra ir no estúdio gravar, mixar, masterizar, comprar o beat… Enfim, é um processo bem longo e demorei  um pouco pra fazer. Por enquanto tem uma na internet.

emicida-urban-stage (23)
And e Coruja BC1 no Urban Stage | Por Lucas Silvestre

Blog: Você planeja lançar um disco?
And: Pretendo lançar um EP ou uma mixtape para entrar na cena, acho que não tenho experiência ainda para lançar um disco…

Blog: Você se vê incorporando uma banda, saindo do formato DJ / MC?
And: Toda sexta vou na Batalha da Led, em Osasco, que eu acho que é o único pico cultural pro hip hop que a gente mesmo organiza na cidade. A gente pega as caixas de som das nossas casas, o DJ faz um set, aperta o play e os meninos começam a rimar.
Mas meu sonho é ter essa estrutura de banda e acho importante também para o hip hop. Quero fazer música, quem dera! Espero que consiga chegar lá.

Blog: Como você conheceu o Emicida?
And: Eu conheci ele em 2009, na minha casa. Fui assistir ao Manos e Minas e o Thaíde chamou um cara.  Ele disse: “Vou chamar aqui um moleque novo no rap, o nome dele é Emicida”. Já dei risada. Emicida? Mas vamo ouvir, né… Sempre gostei de rap… Aí veio com Triunfo. Nossa. Cê é louco. Parecia que estava contando minha história. E aí fui acompanhando. Fui pro YouTube, meu Deus, acho que decorei todas as batalhas dele! Todas, todas. Tentava fazer, fui aprendendo a rimar. Porque fazer música não é só colocar a palavra no lugar, tem que ter um sentido. E aí fui aprendendo demais com ele, só pelo YouTube.

Blog: E qual foi o primeiro show?
And: Foi no lançamento da mixtape Emicídio, em 2010. Ele ganhou a Mixtape de Ouro de 10 mil vendidas, e quem entregou foi o KL Jay. O Criolo também tava, o Rashid… Tava uma rapa. Todo show eu colava lá. A gente se juntava pra tomar uma breja, sempre as mesmas pessoas, e formamos o Bonde da Breja, conheci o pessoal do Lab…

430637_260927807321355_699497877_n
Com Emicida em 2010 | Arquivo pessoal

Blog: E o trabalho, como rolou?
And: Nisso de colar sempre no show, um belo dia… Quer dizer, um belo não, porque eu tinha sido mandado embora do trampo.. Um dia postei no Facebook que tava desempregado e fui para o show. Na volta, eu tava no ônibus e o Emicida me ligou. Fiquei branco, era muito fã. Ele disse: “Fiquei sabendo que você tá sem trabalhar. O Mundiko te indicou pra trampar com noiz, e eu também queria que você viesse”.

Blog: E aí você veio pro Lab “fazer na mão 10 mil capinhas de CD”…
And: Eu acho que eu já fiz mais, hein?


Confira a apresentação de And no show de Emicida no Urban Stage:


 

Ouça Máfia Siciliana, primeira faixa do grupo Noiz:


Veja galeria de fotos do show e alguns registros pessoais de And:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s